2176

Prefeitura Municipal de Santana

Pular para o conteúdo

Visão Geral

Visão Geral

Bandeira Bandeira do Município
Brasão Brasão do Município
  • Aniversário: 16 de dezembro
  • Fundação: 16 de dezembro de 1890
  • Padroeiro (a):Senhora Sant'Ana
  • Gentílio:santanense
  • Cep: 47700-000
  • População: 26705 (estimativa)
  • Prefeito (a): ()
    -

Geografia

Área total: 1.999,407 km²

Altitude: 526 m

Municípios limítrofes: Serra Dourada, Santa Maria da Vitória, Baianópolis, Canápolis, Serra do Ramalho e São Félix do Coribe.

População

26.705 habitantes.

Clima

Semiárido (BSh)

História

Na segunda metade do século XVII, os índios tupiniquins vindos da região do município de Angical estabeleceram-se na região de Santana. Em 1760, uma fazenda de cana de açúcar e criação de gado deu origem ao arraial pertencente ao Distrito de São Gonçalo do município de Rio das Éguas, com o nome de Santana dos Brejos, denominação da capela existente no local, que em 1868 foi elevada a freguesia. Se tornou cidade com à designação de Santana dos Brejos em 1890.

Fundação: 1760
Emancipação: 1890
Aniversário: 16 de dezembro

O município de Santana possui três pilares na base da sua economia: a pecuária bovina de corte e de leite, a cana-de-açúcar e a torra de café. Sendo as principais fontes de emprego e renda do município. A pecuária bovina de corte e leite é a principal atividade, pois o gado do município sempre teve uma aceitação positiva em outras regiões. Parte do leite produzido e seus derivados (queijo, requeijão, manteiga, doces e iogurtes) são vendidos em residências e no comércio.

A cana-de-açúcar é um importante pilar da economia desde a colonização. E as torrefações de café geram empregos direto e indiretos. Outros estados importam a sua produção e comercializam de várias formas.

Além desses três pilares da economia de Santana, a cultura da mandioca; as produções artesanais de polpas de frutas e temperos com embalagens rotuladas; olarias, marcenarias e oficinas mecânicas, geram renda para a população e dão suporte importante na economia da cidade.


A Expo Santana é uma feira agropecuária realizada anualmente

Turismo

Santana possui mais de 13 quilômetros de grutas e cavernas interconectadas com cachoeiras, trilhas naturais e nascentes. A Caverna do Padre é a terceira maior do país. O Município é banhado pelo Rio Corrente, afluente do Rio São Francisco.